logo CEGAA

SFbBox by PSD-Loft.com Website

Vinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo Slider

CEPRA organiza Encontros com empresas parceiras

 

A ARAN esteve presente nos Encontros com empresas parceiras na formação em contexto de trabalho.

 

Com o tema “Qualificação de recursos humanos para o setor automóvel - Relevância das Intervenções das Empresas” decorreram com grande sucesso os dois Encontros organizados pelo CEPRA (na Sede no Prior Velho e na Delegação na Maia) onde a ARAN se fez representar por  Neli Valkanova (Secretária-Geral), Rodrigo Silva (Conselho Fiscal da ARAN e Conselho de Administração do CEPRA) e Mariana Rodrigues (Departamento de Marketing). Estiveram também representadas mais de 200 empresas de acolhimento para a componente de formação em contexto de trabalho.

Foram discutidos vários temas de interesse, e identificados os desafios que os Recursos Humanos têm de superar, resultantes da evolução tecnológica e organizacional em evolução muito célere e com elevados níveis de incerteza.

 

Para as empresas, a necessidade de investir em formação (tanto de novos profissionais como em formação contínua), tem de fazer parte da sua visão estratégica, garantido a necessária “antecipação do futuro” que exigirá a muito curto prazo, um nº muito elevado de novas competências técnicas e comportamentais.


Mas o ponto alto dos Encontros foi a distinção das empresas que, nos últimos 10 anos mais formandos acolheram em Formação em Contexto de Trabalho, através da entrega de um troféu de agradecimento (Ouro 10 ou + formandos, Prata entre 6 e 9 formandos e Bronze, 4 ou 5 formandos)


O CEPRA reforçou a importância de manter e alargar a sua rede de parcerias com empresas que estejam disponíveis para acolher os formandos, e com capacidade para proporcionar condições facilitadoras do desenvolvimento e aquisição de competências técnicas, relacionais e organizacionais, fundamentais para o exercício da atividade profissional, e que desejavelmente contribuam para a empregabilidade dos jovens através da contratualização dos formandos na própria empresa/entidade empregadora após a realização da formação.